Conceito de Holding, Modelos, Benefícios Societários e Tributários. 

“A Holding” como regra geral, caracteriza-se pela concentração do poder decisório

de várias empresas nas mãos de uma empresa investidora (empresa “Mãe”) que detém o controle acionário das investidas (empresas “Filhas”). Ainda, trata-se de uma empresa que detém o controle de sua administração e políticas empresariais. Muito utilizado para O planejamento sucessório e a proteção patrimonial a fim de evitar a dilapidação do patrimônio por divergia na divisão dos bens e a diminuição dos elevados custos pela transferência por “causa mortis” ou doação.

Para tanto, existem modelos diferentes, de maneira que atendem necessidades pontuais, indo de controle de negócios a controle e sucessão patrimonial Familiar.

Conforme segue: Holding Pura, de Controle, Mista, Familiar, Administrativa, Patrimonial, imobiliária.